MENU
BUSCAR
SECRETARIA DE EDUCAÇÃO

Aulas presenciais em Mogi retornam nesta segunda-feira

Todas as escolas que irão retomar as atividades devem seguir integralmente o protocolo sanitário e só estarão em funcionamento aquelas que estiverem totalmente adequadas às normas do documento

O DiárioPublicado em 01/05/2021 às 09:49Atualizado há 14 dias
Aulas presenciais em Mogi serão retomadas / Gabriel Jabur/Agência Brasília

A Prefeitura de Mogi das Cruzes e o Comitê de Retomada Gradativa das Atividades Econômicas divulgaram nesta sexta-feira (30) o cronograma de retomada das atividades presenciais das unidades escolares da cidade. O planejamento do retorno tem sido feito por fases e de forma gradativa visando a preservação de vidas e o desenvolvimento integral das crianças. A próxima etapa começa na segunda-feira (03) com o retorno das aulas presenciais para as turmas de 1º ao 5º ano do ensino fundamental de escolas estaduais e particulares. 

LEIA TAMBÉM: Procuradoria considera irregular a contratação de 158 professores em Mogi

Todas as escolas que irão retomar as atividades devem seguir integralmente o protocolo sanitário e só estarão em funcionamento aquelas que estiverem totalmente adequadas às normas do documento. “Em paralelo, temos nos empenhado muito para obter a liberação do Ministério Público para podermos ter um cronograma próprio de vacinação dos profissionais da educação de Mogi das Cruzes, mais acelerado e amplo do que tem sido feito até o momento”, disse o prefeito Caio Cunha.

Este retorno faseado foi uma das principais sugestões da Brigada da Pandemia da Educação, colegiado que reúne 13 setores da Secretaria de Educação, representantes das escolas particulares e estaduais, Câmara Municipal e as secretarias de Assistência Social e Saúde. No planejamento da retomada foram avaliados todos os riscos inerentes, bem como as condições de segurança sanitária recomendadas pela Brigada e chanceladas pela Secretaria da Saúde. Outros pontos analisados foram a necessidade dos pais em ter onde deixar seu filhos no retorno ao trabalho e a situação da exclusão de cerca de 9 mil alunos da rede municipal sem acesso à internet e cerca de 10 mil crianças com resultados críticos de aprendizagem.

Em todo o cronograma apresentado, a capacidade máxima diária de atendimento será de 35% do total de alunos matriculados por turma e o retorno é opcional para as famílias. As unidades também devem manter o mínimo de profissionais adultos realizando atividades presenciais. Os profissionais do grupo de risco que ainda não foram vacinados devem permanecer em teletrabalho. Todos deverão usar máscara e manter o distanciamento social de 1,5 m. Cada etapa será condicionada à situação pandêmica do município.

No dia 10 de maio será abertura das turmas de 6º ao 9º ano do ensino fundamental e ensino médio em particulares e estaduais. Na mesma data, os primeiros equipamentos da Secretaria de Educação a abrir para frequência presencial serão o Pró-Escolar e a EMESP – Escola Municipal de Educação Especial Profª Jovita Franco Arouche, mas apenas para atendimentos com os profissionais da área de Saúde já vacinados.

Somente irão retornar as escolas e creches da rede municipal que estiverem integralmente adequadas ao protocolo sanitário. A equipe de Manutenção da Secretaria de Educação, junto à Brigada da Pandemia, está intensificando a adequação das unidades. O retorno das escolas municipais se dará a partir do dia 24 de maio. As orientações logísticas e pedagógicas da Secretaria Municipal de Educação para o retorno híbrido serão divulgadas na semana do dia 10 de maio e irão auxiliar as escolas na organização da rotina escolar com autonomia para as unidades. Também serão criadas Brigadas da Pandemia em cada unidade escolar. 

No dia 24 de maio, retornarão as turmas do 6º ao 9º ano no Cempre Benedito Ferreira Lopes, turmas de Educação de Jovens e Adultos (EM Coronel Almeida e Escola de Empreendedorismo e Inovação - EEI), além dos cursos profissionalizantes oferecidos pela EEI e as unidades do Crescer, que estejam adequadas ao protocolo sanitário. A programação continua no dia 31 com o retorno das turmas de creche e pré-escola, somente nas escolas municipais e subvencionadas adequadas ao protocolo sanitário.

As turmas do 1º ao 5º ano do ensino fundamental das escolas municipais deverão retornar presencialmente no dia 7 de junho. Após essa data, a cada semana serão abertas novas escolas com a condição de que tenham cumprido integralmente o protocolo sanitário.

A retomada começou no dia 15 de abril com a reabertura das escolas particulares de educação infantil. A Secretaria Municipal de Educação acompanhou o retorno e constatou o cumprimento integral do protocolo. Não foi registrado nenhum caso de surto. No dia 26 foi autorizada a retomada gradativa dos cursos de ensino superior, técnicos, profissionalizantes e livres.

ÚLTIMAS DE Cidades